Sentar para comer pode parecer bobagem, um comportamento óbvio, sem importância e desnecessário, mas é fundamental. “Ah, eu obviamente sento para almoçar”, você pode estar pensando. Mas, e nas outras refeições? E, especialmente entre as refeições, você já se pegou “beliscando” algo de pé ou andando pela casa?

Isso pode acontecer mais vezes do que se imagina, exatamente porque não prestamos atenção neste tipo de ação, e senão prestamos atenção nisso, também não estaremos prestando atenção no que estamos comendo.

Você passa pela cozinha e pega uma bolachinha? Cozinha e experimenta os alimentos muitas vezes? Come na beirada da pia da cozinha a sobra do prato do seu filho pequeno? Esses e outros hábitos podem passar despercebidos, mas as calorias contidas neles, não.

Por isso, sentar-se para comer – seja uma refeição completa ou um lanche rápido – é tão importante porque este ato contribui para que racionalizemos os alimentos que estamos ingerindo. Quando sentamos à mesa, normalmente temos maior controle sobre o que estamos comendo e não estamos apenas comendo algo por impulso. Tendemos estar mais conscientes do que estamos fazendo.

Comer de forma distraída pode contribuir para que você não se sinta satisfeito fisiologicamente falando, ou até mesmo psicologicamente satisfeito. Isso acontece porque você não racionalizou aquela refeição, comeu distraidamente e não “viu” o que e quanto estava comendo.

Muitas vezes comemos de pé por estarmos com pressa, ou por hábito, educação familiar ou por que o tempo que deveria ser reservado para comer não é algo que a pessoa de fato dê importância.

Para criar e manter o hábito de sentar-se para comer, é preciso somente disciplina. É preciso lembrar-se sempre da importância de sentar, nem que para isto você precise criar lembretes na geladeira ou no celular. Talvez possa ser necessário também organizar o seu tempo, para que você tenha tempo suficiente para comer sentado. Lembre-se: tempo para comer é o mínimo de qualidade de vida que você pode se proporcionar!

Além de comer sentado, comer com atenção, ou seja, sem distrações, é uma técnica que traz exatamente estes conceitos de comer com calma e prestando atenção ao que é ingerido. Se você come distraidamente, enquanto assiste TV ou mexe no celular, certamente não está prestando tanta atenção no alimento quanto deveria, bem como na sua mastigação e nos seus sinais internos de fome e saciedade.

Fique atento, pois, assim como em qualquer etapa do processo de perda de peso, surgirão pensamentos sabotadores. Sua mente poderá lhe dizer que não tem nada demais em comer alguma coisinha em pé ou que você vai comer de pé só desta vez ou que isso não é importante. Identifique esses pensamentos e responda adaptativamente a eles de forma firme: comer sentado não é uma opção, mas uma condição essencial para o sucesso do emagrecimento.

Para ler mais sobre ter tempo ou se dar tempo para comer, e a importância disso, clique AQUI.

Nutrição comportamental e mudança da relação com a comida: a melhor “dieta” para emagrecer.