Nutricionista Adriana Lauffer

Ana Carolina Nogueira

Quando cheguei ao atendimento, sentia que estava me esforçando para manter um estilo de vida considerado saudável. Porém, ainda, sentia dificuldade em incluir diversidades de alimentos no cotidiano, alimentação regrada no quesito de horários e quantidade e, principalmente, na identificação dos alimentos que irritavam o meu intestino. Com isso, naturalmente, sentia medo e receio de comer determinados alimentos com a justificativa de “irá me fazer mal” ou “irei engordar”. Claramente, existia uma distorção muito grande em relação ao estilo saudável e equilibrado e excessos/faltas (que a sociedade, muitas vezes, prega como “ideal”).

Durante essa trajetória, já havia consultado com outros profissionais. Alguns, realçaram meu medo e aumentaram a minha repulsa pela alimentação. E outros, ajudaram numa reeducação alimentar de forma natural. Mas, existia o quesito de estufamento abdominal, gases e desconfortos que os demais profissionais não conseguiram me auxiliar no tratamento (e no entendimento). Esses sintomas me prejudicavam muito em momentos de concentração, por exemplo, quando eu precisava ficar muitas horas sentada, eu poderia ter alguma irritação/crise de gases extremamente desconfortáveis. Sabia que viver daquela forma não era normal. Então, resolvi buscar ajuda.

Me senti muito acolhida pela Dra. Adriana. Fiquei receosa de não conseguir compartilhar verbalmente os meus sentimentos, dores e angústias com as sensações, porém a Adri sempre me ajudou a questionar, refletir e compreender todos esses medos. Com certeza, esse atendimento humanizado (desde conhecer o paciente, entender a história alimentar, o cotidiano até as dores) fez diferença no meu diagnóstico, tratamento e aceitação. Inicialmente, achei que o “maior problema” seria as razões gastroenterológicas. E ao longo das consultas, descobri que o fator psicológico também era algo a ser considerado. A Dra. Adriana, por ser especialistas em ambas as áreas, foi fundamental para perder o meu “medo” de comer e das consequências/razões/desconfortos que surgiam a partir disso também.

Sendo sincera, minha relação com a comida melhorou muito e, consequentemente, com a minha saúde e o meu corpo. Meus exames nunca estiveram tão ideais. Me sinto mais disposta, concentrada e confiante, pois seu que estou cuidando e alimentando meu corpo da melhor forma possível (saciando meus desejos genuínos e não me privando de comer aquilo que, verdadeiramente, quero). A relação com a atividade física também me proporcionou melhora na autoestima. Depois das consultas com a Dra. Adriana, nunca mais tive crises, pois entendi quais alimentos irritavam meus intestino (e desregulavam minha flora). Permaneço respeitando meu corpo e os limites dele, porém, entendo que a alimentação é fundamental para o bem-estar, então, sempre busco alternativas de organização semanal e substituições inteligentes para não negligenciar esse momento tão importante.

Pois você é diferenciada no mercado, Dra. Adri! Suas especialidades, estudos e áreas enriquecem muito a profissional que és, inclusive já indiquei! Não consigo pensar em nenhum fator a ser melhorado. Gostaria de, mais uma vez, elogiar a profissional que és! Querida, atenciosa, flexível e compreensível!