Se você quer emagrecer sabe o quanto é difícil manter o foco e a motivação, né? Concordo que não é fácil, mas existem técnicas e especialmente um exercício prático e bem poderoso para ajudar nisso! Vamos ver?

Bem, essas técnicas são baseadas na abordagem cognitivo comportamental, que trabalha com atividades práticas que auxiliam a manter o foco, se automotivar e a manter a “programação mental” para seguir o plano alimentar. Para isso, é imprescindível registrar. Registrar o quê? Os reais motivos pelos quais você deseja emagrecer.

O primeiro passo, portanto, é elaborar o que chamamos de lista de vantagens do emagrecimento. Nela, serão registradas os motivos reais e mais profundos que te fazem desejar emagrecer, e que impacto tudo isso terá na sua vida, seja na vida pessoal ou profissional. Registrar isso ajuda a manter o foco e evitar cair nas armadilhas dos pensamentos sabotadores do emagrecimento. Portanto, para fazer este registro é importante ter claro para si os motivos pelos quais se deseja emagrecer. Por que você quer emagrecer? Quais as vantagens de emagrecer? Quais os benefícios? Que impacto esses benefícios terão na sua vida? São esses os objetivos que irão motivá-lo, fazê-lo seguir em frente e chegar à sua meta.

É um exercício simples, mas não tão é fácil, e é fundamental. Pense nos reais motivos que levam você a querer emagrecer. É importante listar o maior número possível de motivos e ser o mais específico possível.

Por exemplo: com a perda de peso me sentirei mais bonito (isso pode deixar mais confiante para convidar alguém para sair), voltarei a dançar (isso pode melhorar a minha vida social), terei mais saúde (terei maior chance de ver meu filho crescer), terei mais disposição (isso vai melhorar meu rendimento no dia-a-dia), dormirei melhor (vou me sentir mais disposto para tudo), vai melhorar minha vida  sexual (isso vai melhorar meu casamento), me sentirei mais feliz comigo mesmo (isso vai melhorar a minha vida de maneira geral), vou me sentir confiante para vestir roupa de banho (com isso irei à praia com a família e na piscina do condomínio).

A proposta é ler esta lista diariamente duas vezes ao dia, em horários determinados, especialmente no início do seu tratamento. Ter à mão a lista pode ajudar nos momentos de dificuldade, por exemplo, quando surgir algum  desejo incontrolável de comer e, sobretudo, quando você se sentir desmotivado.

Para manter o hábito de ler, você pode utilizar diferentes artifícios, como colar a lista no seu computador ou enviar a si mesmo por e-mail, colar um bilhete no espelho ou geladeira, programar um alarme no seu telefone, entre outros. Escolha o que for realmente eficaz na sua rotina. O importante é não deixar de ler.

Não deixe de seguir esta dica, registre os seus motivos e tenha-os à mão. Eles serão o seu norte durante o seu processo de emagrecimento. Ter claro na nossa mente os motivos pelos quais desejamos algo nos dá garra e foco! A diferença entre quem tem foco e quem não tem é a clareza e a certeza dos objetivos e dos benefícios. Nutrição comportamental e mudança da relação com a comida: a melhor “dieta” para emagrecer.