Necessidades nutricionais das crianças

A alimentação é um fator primordial para o crescimento, desenvolvimento e saúde da criança. Os únicos fatores determinantes para a saúde da criança que estão totalmente sob controle dos pais são o afeto e a alimentação, pois nem sempre podemos controlar os outros fatores que favorecem nossa qualidade de vida. Por esse motivo, os pais devem oferecer aos filhos uma dieta balanceada, pois cabe a eles oferecer o que há de melhor aos seus filhos.

Uma dieta balanceada é constituída de quantidades específicas de proteína, carboidratos, lipídeos e certo valor de calorias. Mas…, que nomes são esses, afinal? O que significam? Vejamos…

As calorias são usadas para referir-se ao teor de energia dos alimentos. A necessidade energética (calorias) para nós é diferente dependendo a idade e condições de doença.

As proteínas fornecem aminoácidos para as células do organismo, que tem como função o crescimento, regeneração de ossos, músculos, órgãos, cicatrização, fornece calor e energia ao organismo. Existem as de fonte animal (carnes, aves, peixes, ovos e laticínios) e as de fonte vegetal (feijão, castanhas, cereais, pão, soja, ervilha, batata, lentilha…).

Os carboidratos têm como função dar energia ao organismo para desempenhar suas atividades. Dividem-se em simples (de fácil digestão e absorção, encontrados nas frutas e nos açúcares) e os complexos (são digeridos e absorvidos mais lentamente e são encontrados em massas, pães, cereais, leguminosas, batata, aipim, milho, etc).

Os lipídeos são fontes concentradas de energia para que o organismo desempenhe suas atividades. Suas funções são isolar contra alterações de temperatura, proteger fisicamente os vasos, nervos e órgãos, transportar as vitaminas A, D, E e K, despertar o apetite, gerar saciedade, etc. São encontrados no leite e derivados, gema do ovo, carne e subprodutos, peixe, frango, nozes, óleos…existem vários tipos de lipídeos, uns são muito importantes para o organismo, outros fazem mal à saúde.